Rogério Teófilo só se pronuncia sobre denúncias após notificação do MP

Por em 23 de Abril de 2018

Sessão da Câmara Municipal desta terça-feira (24) é aguardada com expectativa

O prefeito de Arapiraca Rogério Teófilo (PSDB) permanece em silêncio total sobre as acusações de uma empresa de consultoria contratada sem processo licitatório além de um “calote” de R$ 600 mil na contratada e o pagamento de parte do serviço por uma construtora que seria propriedade um secretário de primeiro escalão. O pagamento foi realizado segundo a denúncia, por um sócio da empresa, Elízio Wagner Dias, através de Transferência Eletrônica Direta (TED).

A gestão ainda não se pronunciou sobre as acusações feitas inicialmente pelo jornal Tribuna Independente no último dia 13 deste mês. As últimas noticias dão conta de que a gestão somente vai se pronunciar após ser notificada pelo Ministério Público, quando vai se posicionar sobre o caso.

A grande expectativa da população arapiraquense é quanto a realização da sessão ordinária da Câmara Municipal na noite desta terça-feira (24) no auditório do Centro de Referência de Arapiraca (Cria) no bairro de Santa Edwvirgem. A expetativa é de que seja formada uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) para apurar e acompanhar as investigações no Ministério Público.

O clima no Centro Administrativo nesta segunda-feira (23) era de silêncio total – um clima de velório sendo aguardado o pedido de demissão do secretário municipal de Administração, gestão e Planejamento Antônio Lenine Pereira Filho.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *