Restaurante popular Jerimum fecha mais uma vez em Arapiraca

Por em 17 de Janeiro de 2018

De acordo com o aviso da Prefeitura de Arapiraca reabertura será no inicio de fevereiro

A população de Arapiraca se vê mais uma vez desassistida pela gestão Teófilo. Clientes do Restaurante Popular Jerimum, situado no Centro de Arapiraca, ainda não tiveram a oportunidade de usar seus serviços em 2018. O estabelecimento encontra-se fechado para manutenção desde o fim de 2017 e tem previsão de volta apenas para fevereiro deste ano.

O Jerimum é coordenado pela Prefeitura de Arapiraca, e faz parte de um programa do Ministério do Desenvolvimento Social, do Governo Federal para popularizar a alimentação fora de casa. A ação visa atender pessoas que trabalham no comércio local de Arapiraca, e que são trabalhadores de baixa renda, aposentados, estudantes, moradores de rua ou famílias em situação de risco. Com preço popular, uma refeição custa apenas R$ 3,99.

Com o restaurante fechado, os usuários sentem a falta do serviço prestado. Edson José dos Santos, guardador de veículos que trabalha em frente ao restaurante, tem no local sua fonte de clientes e de alimentação. “O pessoal chega aqui e está fechado… Porque aqui é o lugar que o pessoal procura mais. Vou voltar a ganhar meu dinheirinho quando eles abrirem de novo”, diz Edson.

Rafaela, moradora de Penedo, usava o Jerimum quando vinha à Arapiraca. “Sempre que vinha fazer compras almoçava aqui e gostava muito da comida. É uma pena ele está fechado…. Inclusive, hoje eu vim aqui e o encontro de portas fechadas. Agora, tem que buscar outro local mais caro”, afirma a penedense.

 

Em nota, a Prefeitura de Arapiraca esclarece que:

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Políticas para a Mulher informa à população que, assim como ocorre anualmente durante o mês de janeiro, o Restaurante Popular Jerimum encontra-se em recesso, período em que também é realizado trabalho de manutenção periódica dos equipamentos.

A reabertura do estabelecimento ao público está prevista para o início do mês de fevereiro, onde voltará a oferecer até mil refeições diárias, com acompanhamento nutricional e preço acessível.

Vale salientar que não é a primeira vez que ocorre o fechamento do restaurante. No início de 2017, o Jerimum fechou para manutenção internareabrindo apenas em julho do mesmo ano.

Com Sete Segundos.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *