Participação do CSE no Alagoano 2018 depende do poder público

Por em 12 de Novembro de 2017

Júlio Cezar garantiu apoio ao tricolor durante os quatro anos da sua gestão até o momento não tomou nenhuma decisão

Faltando apenas seis dias para a reunião do Conselho Arbitral, que definirá o campeonato alagoano de futebol profissional 2018,  em Palmeira dos Índios há um expectativa  pela participação do CSE na competição. Sem diretoria, já que a atual teve seu mandato encerrado no último dia 09 de novembro. mandato este que foi apenas para complementar o período da diretoria anterior que havia se afastado.

O CSE neste momento, está nas mãos  do presidente do Conselho Deliberativo, o empresário e funcionário público da Prefeitura de Palmeira dos Índios, Gilvando Delgado, que deverá convocar os conselheiros, para eleição da nova diretoria.

A grande   preocupação da torcida é que o Prefeito Julio Cezar, que  é um grande desportista e que prometeu o apoio ao clube nos seus quatro anos de sua gestão, ainda não se pronunciou sobre o problema vivenciado pelo CSE.

ao longo de seus 70 anos de existência o CSE  nunca deixou de participar dos campeonatos estaduais. mesmo quando rebaixado, disputou a segunda divisão. Este ano foi feito um trabalho com as divisões de base, o sub 20 e o sub 17, que participaram do campeonato alagoano da categoria, revelando excelentes talentos, que em breve vestiram a camisa do time profissional.

Dois atletas da categorias de base do CSE estão servindo a seleção alagoana sub 20, que vai participar do Campeonato Brasileiro de seleções. são eles o zagueiro João Paulo e o meia Juliano. a sede de Alagoas será em Porto Alegre,  no Rio Grande do Sul.

Com relação as ações trabalhistas, que são muitas e todas da gestão anterior, pode se  resolver, desde que persista o interesse de quem de direito. Nos últimos 15 dias, duas  ações trabalhistas foram endereçadas a Prefeitura de Palmeira dos Índios, informando que a  mesma não poderá repassar recursos para o CSE, sem antes depositar judicialmente os valores destas ações, que são R$  42 e 36 mil  respectivamente.

com a palavra a Procuradoria Juridica do município que até agora não fez nenhuma contestação, apenas informou ao setor financeiro da impossibilidade de ser feito o repasse O torcedor recorda os ex prefeitos que nos últimos anos deram total apoio ao CSE, a exemplo de Helenildo Ribeito, Gileno Sampaio, Maria José Nascimento.  Albérico Cordeiro e  recentemente James Ribeiro,  que nos seus oito anos de governo manteve o time na primeira divisão.

Redação com Voz de Ouro de Alagoas.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *