PF investiga superfaturamento de shows da emancipação política de Olivença

Por em 21 de Setembro de 2017

A Polícia Federal em Alagoas realiza nesta quinta (21) a operação Miolo de Pote, com o cumprimento de 7 mandados de busca e apreensão e seis de condução coercitiva expedidos pelo Tribunal de Justiça do Estado de Alagoas, nos municípios de Olivença (AL), Santana do Ipanema (AL), Petrolândia (PE), Jardim (CE) e Fortaleza (CE).

A polícia investiga fortes indícios de desvio de recursos da Prefeitura Municipal de Olivença, por intermédio de pagamentos superfaturados de shows musicais para a festa de emancipação política do município, ocorrida em fevereiro de 2017 e realocação de postes da Prefeitura para instalação em imóvel pertencente ao atual gestor municipal, Zé Arnaldo (PSD).

Os indícios foram constatados durante investigação de outros fatos, que levou a PF a ter acesso a gravações de conversas que revelavam o crime praticado dentro da administração pública.

Um efetivo de 40 policiais federais participa da ação, que conta com apoio de unidades em Pernambuco e no Ceará.

“Miolo de Pote” é uma expressão popular do Nordeste que significa “conversa vazia”.

O TNH1 tentou entrar em contato com o prefeito de Olivença, por meio dos telefones disponibilizados no site da Prefeitura e na página do Facebook de Zé Arnaldo, mas as ligações não completam.

Fonte: Com Assessoria PF

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *