CSA e CRB fazem “Clássico das Multidões” polêmico neste domingo

Por em 9 de Abril de 2017

Quatro “Clássico das Multidões” entre CSA e CRB já foram realizados em 2017, com uma vitória para cada lado e dois empates. Neste domingo, às 16h00 no Estádio Rei Pelé, as duas equipes farão um jogo de extrema importância pelo Hexagonal do Campeonato Alagoano, com direito a uma semana inteira de polêmicas relacionadas a partida.

Quando o assunto é futebol de fato, as duas equipes tiveram uma semana para trabalhar e assim, já estão praticamente definidas para o clássico. O técnico Oliveira Canindé tem apenas uma dúvida, se coloca Marcos Antônio, apontando um time mais seguro ou se coloca Daniel Costa, sendo mais agressivo.

O time marujo que precisa da vitória, deverá entrar em campo com a seguinte formação; Mota, Celsinho, Thales, Douglas Marques e Rayro; Everton Heleno, Dawhan, Marcos Antônio e Thiago Potiguar; Cleyton e  Jacó.

Do outro lado, o CRB do técnico Léo Condé lidera o Hexagonal e passou por dias de certa tranquilidade e assim, o comandante técnico não tem problemas para a sua escalação, que deve ter Juliano; Marcos Martins, Boaventura, Gabriel e Diego; Adriano, Yuri, Chico e Danilo Pires; Maílson e Elias.

Fora do campo a situação foi bem diferente. Em janeiro, diante das recentes confusões entre torcidas organizadas, os dois clubes firmaram um acordo com o Tribunal de Justiça, o Ministério Público Estadual, a Polícia Militar e a Secretaria de Segurança Pública para que os clássicos válidos pelo Alagoano fossem com torcida única.

Porém, passados os quatro primeiros clássicos, sendo dois pela Copa do Nordeste e outros dois pelo Alagoano, com portões fechados, devido a punição do TJD-AL, o primeiro clássico do estadual terá mando de campo do CSA.

Diante disso, a direção do CRB, através do seu presidente executivo, Marcos Barbosa, acinou a justiça para garantir que os 30% fossem destinados para a torcida regatiana, tendo em vista que não houve decisão judicial e sim, um acordo.

O TJD chegou a determinar que o mandante do jogo, o CSA, repassasse a cota de 10% para o CRB. No entanto, o Tribunal de Justiça negou neste sábado, o mandado de garantia e garantiu que a partida terá apenas a torcida azulina.

Para completar a semana de polêmica, a Comissão Estadual de Árbitros de Futebol (CEAF) anunciou que através de audiência pública, o árbitro Francisco Carlos do Nascimento irá comandar o clássico, o que não agradou nenhuma das duas equipes.

CSA e CRB se enfrentam neste domingo, às 16h00, no Estádio Rei Pelé, em jogo válido pela 3ª rodada do Hexagonal do Campeonato Alagoano. O CRB lidera a fase com 6 pontos, enquanto o CSA é o 4º colocado com 3 pontos ganhos.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *