Confraterização da Saúde em Arapiraca é marcada por protestos

Por em 15 de Dezembro de 2016

Servidores com salários atrasados marcaram presença na porta da casa de festas e protestaram
A Festa de confraternização dos servidores da área da  Saúde da Prefeitura de Arapiraca realizaram um ato de protesto na tarde desta quinta-feira (15) em frente a uma casa de festa no bairro Baixa Grande no momento em que era realizada uma festa de confraternização promovida pelo titular da pasta Ubiratan Pedrosa que recepcionava os convidados para a festa vip.  
Os manifestantes aproveitaram o tema da festa “A última festa é sempre a melhor #depsedidadobira” para criar paródias e o tema do protesto “A última palhaçada é sempre a melhor”. Para mostrar a indignação por conta da falta do pagamento dos salários, os servidores que participam da manifestação levaram cartazes para alertar a população e a imprensa de Arapiraca.
As frases criativas estamparam os cartazes brancos para constratar com a roupa preta usada pelos manifestantes. “A compreensão não paga as nossas contas”, diz um cartaz. Em outro “A última festa é sempre a melhor: iroria, gozação, humilhação”. Uma servidora da Saúde segura o cartão com a seguinte frase: “Não há motivos para comemorações! Onde está o salário do servidor da Saúde?”
De acordo com os manifestantes,  a Secretaria de Saúde cortou a gratificação dos programas PSF (Programa Saúde na Saúde) e Nasf (Núcleo de Apoio à Saúde da Família) para poder honrar o pagamento de dezembro e o 13º salário. 
“Mas até agora isso não aconteceu. Então por que fazer festa, fazer comemoração se não se tem o que comemorar?”, desabafou. Segundo os servidores, a manifestação é pacífica e que o secretário chegou à festa por volta das 14h e passou pelos servidores sem falar nada.
“Lá dentro é utopia e estão os gerentes de postos de saúde e servidores de cargos comissionados. Aqui fora é realidade e estão os servidores efetivos que trabalham em prol da população e não receberam seus salários”, desabafou o servidor.

Foto: Sete Segundos. 

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *