Tarcizo Freire foca no Programa de Governo combate à violência a mulher

Por em 20 de Setembro de 2016
Integração de politicas públicas de saúde, justiça, segurança, educação  e assistência social
O programa de governo do candidato a prefeito de Arapiraca, Tarcizo Freire (PP) da coligação “A mudança que o povo quer” tem foco direcionado a mulher arapiraquense de todas as categorias socais e econômicas. Este trabalho nas metas do seu governo  tem base no número de mulheres que vai às urnas no dia 02 de outubro na cidade mais importante do interior do Estado para eleger o novo prefeito da terra de Manoel André a partir de 2017.
 Na eleição de 2016 em Arapiraca o número de mulheres eleitoras  é superior a quantidade de homens, segundo o quadro de estatísticas do eleitorado do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). No universo de 135 mil 998 eleitores aptos a votar no pleito de outubro, 75 mil 164 são mulheres (55,27%) e 60 mil 834 (44,73%) são do sexo masculino no segundo maior colégio eleitoral do Estado.
O levantamento revela ainda que entre os adolescentes que não são obrigados a votar, entre 16 e 18 anos, 1.491 são jovens do sexo masculino e 1.617 são mulheres. Já o contingente dos que tem entre 18 e 25 anos, 11 mil e 14 são homens e 12 mil 336 são do sexo feminino. Com base nessas estatísticas o programa de governo de Tarcizo Freire e sua equipe de trabalho nessa perspectiva, definirá  como prioridades as ações a serem desenvolvida em Arapiraca  partir de 2017.
Combate à violência a mulher
Para enfrentar todas as formas de violência contra as mulheres o governo da mudança capacitará, principalmente o professor da área de saúde de assistência social da educação e da segurança pública do município, na Assistência Social da Segurança do município no atendimento e tratamento das mulheres vitima da violência doméstica e sexual. Buscará a integração das politicas públicas da saúde, justiça, segurança, educação e assistência social e organizará a rede municipal de atendimento pra responder adequadamente as situações de violência contra a mulher em todo o município arapiraquense.
De acordo com o programa de governo, a saúde das mulheres e os direitos sexuais e reprodutivos estarão sob a responsabilidade da Secretaria municipal de saúde que terá a responsabilidade de programar as ações previstas na politica nacional de atenção integral a saúde da mulher, ampliado qualificando e humanizando essas ações;
Com base no programa de governo, o município de Arapiraca deverá organizar a oferta de educação e inclusão social e produtiva de forma a garantir o direito das mulheres a uma vida com qualidade na cidade e no meio rural. Essas ações possibilitarão o acesso a bens, equipamentos e serviços públicos com humanidade e qualidade.    

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *