PMDB parte para o tudo ou nada na eleição 2016

Por em 19 de Julho de 2016
Partido quer eleger 60 prefeitos e o comando das três principais cidades do Estado Maceió, Arapiraca e Palmeira dos Índios
O senador Renan Calheiros decidiu no encontro do PMDB no inicio desta semana no  com todos os pré-candidatos do partido nas eleições 2016, que o jogo será pesado o tudo ou nada – a decisão é, vencer ou vencer. No seu pronunciamento, o presidente do Senado, mesmo diante da crise econômica e politica que atravessa o pais citou três nomes do partido como importantes na eleição deste ano e com vistas ao seu projeto em 2018 quando vai tentar a seu mandato de senador.
Os objetivos do senador Renan Calheiros e do governador do Estado, Renan Filho é eleger sem fazer alianças, em chapas “puro sangue” como fez em 2014 com Renan Filho e Luciano Barbosa conseguindo sair vitorioso, eleger em Arapiraca uma chapa “puro sangue” com o deputado estadual Ricardo Nezinho tendo o vice-prefeito Yale Fernandes na continuidade no cargo de vice-prefeito.
 Yale Fernandes por ser primo da prefeita Célia Rocha (PSL) conseguiu ser mantido na chapa, descartando outras alianças na cidade mais importante do interior do Estado. Ricardo Nezinho tem experiência como legislador, foi vereador por Arapiraca em quatro legislaturas tem, tradição politica e está na terceira legislatura na Assembleia Legislatura Estadual – (ALE)
O PMDB vai enfrentar como adversário o pré-candidato a prefeito, o deputado estadual Tarcizo Freire (PP) com a experiência política de cinco legislaturas como vereador, forte apoio popular e na primeira atuação como parlamentar na Casa de Tavares Bastos. A chapa “puro sangue” poderá enfrentar outro pré-candidato, Rogério Teófilo ()SDB) que não  pode ser subestimado pela experiência política, três vezes deputado estadual, deputado federal e vice-prefeito no primeiro mandato de Luciano Barbosa além de ex-secretário de Estado da Educação e da Articulação Política. Com a divisão da oposição a eleição em Arapiraca poderá ser surpreendente.
A disputa em Maceió
Na capital do Estado o PMDB quer eleger o ex-prefeito Cícero Almeida que vai enfrentar o prefeito Rui Palmeira (PSDB) pré-candidato a reeleição. Almeida está enfrentando uma verdadeira “guerra” de ataques nas redes sociais. Como prefeito de Maceió, realizou obras importantes beneficiando a cidade em todos os aspectos desde os bairros nobres a periferia, no entanto, esta envolvido no esquema que ficou conhecido e obteve grande repercussão como a “Máfia do lixo” na Prefeitura de Maceió e foi denunciado pelo Ministério Público Estadual (MPE). Outro desafio de Almeida e do PMDB será enfrentar em Maceió o pré-candidato, o deputado federal mais votado em 2014, João Henrique Caldas (PSB).
A disputa em Palmeira dos Índios
Em Palmeira dos Índios o PMDB tem como pré-candidata a sucessão do prefeito James Ribeiro a ex-vice-prefeita, Verônica Medeiros que vai enfrentar, até o momento, seis pré-candidatos sendo o desafio maior vencer o vereador Júlio Cezar (PSB) dissidente do grupo político de James Ribeiro que era aliado do deputado estadual Edval Gaia Filho (PSDB). Atualmente o grupo politico de James Ribeiro e do deputado estadual Edval Gaia Filho estão em lados opostos. Assim coimo em Arapiraca os maiores grupos políticos estão divididos.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *