O desabafo de Célia Rocha e o silencio de Rogério Teófilo

Por em 27 de Maio de 2016
Declaração de Célia Rocha foi eminentemente pessoal  
Obteve repercussão e muitas interpretações nos meios políticos de Arapiraca após o desabafo da prefeita Célia Rocha (PSL) em encontro informal com os secretários  quando anunciou oficialmente que não será candidata à reeleição este ano e explicou os motivos que a levaram a decidir, também, pela sua saída da vida pública. O encontro ocorreu em uma chácara em Arapiraca e no encontro a gestora fez um retrospecto da sua vitoriosa trajetória política na cidade mais importante do interior do Estado.
No entanto, o que despertou a atenção de todos os presentes foi o fato da prefeita fazer um desabafo eminentemente pessoal muito emocionada, se referindo ao primeiro suplente de deputado federal Rogério Teófilo (PSDB) com quem iniciou sua vida pública. A gestora recordou a época em que os dois eram secretários municipais da gestão do ex-prefeito Severino Leão, em seu primeiro mandato (1983 a 1989). Ela foi titular da pasta de Saúde e ao mesmo tempo Teófilo assumiu a secretaria de Administração.
A prefeita fez questão de destacar a grande amizade que ambos construíram, ao longo de vários anos, e que gostaria de estar ao lado do ex-parlamentar, neste momento em que encerra sua história na política. Com a voz embargada e os olhos marejados, Célia Rocha revelou que ter Rogério Teófilo ao seu lado seria o seu melhor presente.
“Quero dizer a todos que o meu maior desejo é o de encerrar o meu mandato, este ano, ao lado de Rogério Teófilo. Eu me sentiria muito feliz, realmente, se isso acontecer, pois foi ao lado dele que dei os primeiros passos na vida pública e meu coração pede que estejamos juntos neste momento em que me despeço da política. Esse é o meu maior desejo”, desabafou a prefeita visivelmente emocionada.
Nesse momento que antecede as convenções municipais e que estão em curso as articulações com vistas à sucessão municipal o desabafo gera interpretações o grupo politico situacionista de Célia Rocha tem como pré-candidato a sua sucessão o deputado estadual Ricardo Nezinho (PMDB). Na oposição o deputado estadual Tarcizo Freire (PP) e em um grupo independente o empresário Celso Pessoa (PSD) apoiado pelo irmão, o deputado estadual Severino Pessoa.

O grupo de oposição onde está Rogério Teófilo até o momento não definiu o nome cabeça de chapa. Equilibrado, defende afirma que o momento é de temperança e defende um novo projeto administrativo para Arapiraca. Ao blog afirmou que vem mantendo contatos com solidez e ouvindo as pessoas. Sobre o desabafo de Célia Rocha afirmou; “O silêncio é muito mais forte que as palavras”.   

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *